Una Mirada a La Ciencia de La Información desde Los Nuevos Contextos Paradigmáticos de La Posmodernidad

Autores

Maria José Vicentini Jorente (ed)
Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC) - UNESP/campus de Marília
Dunia Llanes Padrón (ed)
Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC) - UNESP/campus de Marília

Palavras-chave:

Ciência da informação - Inovações tecnológicas, Arquivologia, Organização da Informação, Catalogação - Documentos arquivísticos, Recuperação da informação

Sinopse

As mudanças sempre vêm acompanhadas de elementos de inovação, gerados por algo ou alguém para atender necessidades ou demandas. Novos processos, produtos, conhecimentos e ferramentas são criados para viabilizar avanços, perspectivas e condições não existentes. O entendimento dessas mudanças e o conhecimento dos elementos de inovação, bem como das necessidades e demandas que os impulsionaram, precisam de contextualização temporal e situacional a partir de estudos teóricos e metodológicos que, além de definir, conceituar, descrever e caracterizar pode organizar os conhecimentos de forma reflexiva e crítica. Tais estudos propiciam a observação de problemas, novos caminhos e melhor integração culturais dos profissionais e sociedade em geral frente aos desafios da “desacomodação” que as mudanças provocam, embora estejam sempre associadas à melhoria do bem estar social.

Selo Editorial:

Logo_e-book_-_Oficina1.jpg      Logo_e-book_-_Cultura_academica1.jpg

 

Capítulos

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria José Vicentini Jorente, Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC) - UNESP/campus de Marília
Livre Docente em Cultura Digital e Informação Pós-Custodiada em Redes de Cola boração e Doutora em Ciência da Informação pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP. Professora Adjunta em Regime de Dedicação Integral à Docência e à Pesquisa da UNESP. Especialista em Design de Produto. Licenciada em Artes pela Fundação Armando Álvares Penteado – FAAP - e em Letras pela Universidade de São Paulo (USP). Docente dos cursos de graduação em Arquivologia e Biblioteconomia e dos cursos de Mestrado Acadêmico e Doutorado em Ciência da Informação da Unesp. Foi coordenadora do Curso de Arquivologia da Unesp/Marília, 2013-2015. Investigadora nas áreas de Informação e Tecnologia, Tecnologias de Informação e Comunicação, Mídias, Intersemiótica, Genética de Produtos de Criação, Hipertextualidade, Webdesign. Foi membro dos conselhos dos cursos de Biblioteconomia e de Arquivologia e do Conselho de Pós-Graduação em Ciência da Informação, 2013-2015. Membro do Grupo Novas Tecnologias em Informação (GPNTI). Membro da Comissão de Implantação do Curso de Museologia da UNESP. Membro do Comitê de Atividades Museológicas da UNESP. Coordenadora do Convênio Unesp/Universidade do Porto (CetacMedia) juntamente com a pesquisadora portuguesa Prof. Dra. Cândida Fernanda Ribeiro. Participante do projeto de pesquisa internacional JUNTS. Superant barreres socioeducatives i afavorint l’alfabetització en salut: Intervenció sobre les interfer ències i dificultats de comprensió d’informació i documentació dirigida a famílies d’infants afectats per malalties minoritàries, na Cataluña. Parecerista ad hoc de agências de fomento.Vice-Presidente da Comissão de Comunicação Social da Unesp de Marília.      
Dunia Llanes Padrón, Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC) - UNESP/campus de Marília
Profesora de la Facultad de Comunicación de la Universidad de La Habana (Cuba) desde 2006, adscrita al Departamento de Ciencias de la Información; Posdoctorado en Ciencias de la Información, Facultad de Filosofía y Ciencias, Universidad Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Brasil (2014-2015). Doctora en Biblioteconomía y Documentación por la Universidad de Salamanca, España (2011). Máster en Documentación por la Universidad de Coimbra, Portugal (2009). Licenciada en Bibliotecología y Ciencias de la Información por la Universidad de La Habana, (2003). Además de su experiencia docente en la Universidad de La Habana ha impartido cursos de posgrados en la Universidad Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Universidad Federal de Santa María, Universidad de Brasilia, Universidad Estadual de Londrina, Instituto Brasileño de Información en Ciencia y Tecnología, Universidad de Coimbra y Universidad de Salamanca. Miembro del Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico de Brasil como colaboradora extranjero en grupos de pesquisa de la Universidad de Brasilia y el Instituto Brasileño de Información en Ciencia Tecnología. Sus líneas de investigación y docencia se enfocan en la representa ción y el acceso a la información archivística y su normalización. Entre su haber, destaca la publicación de artículos científicos, capítulos de libro, ponencias y comunicaciones sobre los temas de normalización de la descripción archivística, representación de información y gestión documental. Así mismo le han sido otorgados premios y becas internacionales por su quehacer investigativo en esta área del conocimiento.
Daniel Flores
Pesquisador CNPq PQ2. Bolsista de Produtividade em Pesquisa, Doutor em Documentação pela USal, concluiu o Doutorado em “Metodologías y Líneas de Investigación en Biblioteconomía y Documentación” - Universidad de Salamanca/España em 2006 (Revalidado/reconhecido no Brasil ao título de Doutor em Ciência da Informação pela UFRJ/IBICT com bolsa CAPES). Desenvolveu estágio de Pós-Doutorado financiado pela Fundação Carolina na Espanha de 2008 a 2009 em Documentos Digitais: Gestão e Preservação. Concluiu o mestrado em Engenharia de Produção na linha de pesquisa Tecnologia da Informação pela UFSM - Universidade Federal de Santa Maria em 2000, tornou-se especialista em Organização de Arquivos pela USP – Universidade de São Pauloem 1998, graduou-se como bacharel em Arquivologia em 1998, desde o ano de 1995. É líder do Grupo de Pesquisa em Gestão Eletrônica de Documentos Arquivísticos - Ged/A e do Grupo de Pesquisa em Patrimônio Documental Arquivístico registrados no CNPq e orientou bolsistas de Iniciação Científica. É Consultor de Projetos Arquivísticos. Atualmente é Professor Associado do Departamento de Documentação da Universidade Federal de Santa Maria, desde 1998, onde ministrou disciplinas de Arquivística, Diplomática, Preservação Digital, Gestão Eletrônica de Documentos, Bases da GED e suas linhas de pesquisa, Diplomática Contemporânea, Repositórios Arquivísticos Digitais, Reprografia, Ética e Legislação Arquivística, Tecnologia da Informação I e II, Digitalização de Documentos, Tópicos Avançados de Bancos de Dados para a Arquivologia e orienta Estágios Supervisionados e Trabalhos de Conclusão de Curso, ademais de coordenar Projetos de Pesquisa, Extensão e Ensino. Docente Permanente do Mestrado Profissional em Patrimônio Cultural/PPGPPC-UFSM, Docente Colaborador do Mestrado Profissional em Gestão de Documentos e Arquivos - PPGARQ - UNIRIO e participou como docente do Curso de Especialização à distância em Gestão em Arquivos (EAD), do Curso de graduação em Arquivologia/UFSM, do Curso de graduação em Sistemas de Informação da UFSM, do Mestrado em História da UFSM. É Consultor da Capes, membro presencial da Câmara Técnica de Documentos Eletrônicos - CTDE do CONARQ - Conselho Nacional de Arquivos / Arquivo Nacional. Participou dos Colegiados de Departamento e Colegiado do Curso de Arquivologia, do Conselho do Centro de Ciências Sociais e Humanas e do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão-CEPE da UFSM (Conselhos Superiores), ademais de participar de Comissões Permanentes, Comissões de Legislação e Normas, de Ensino e exercer cargos Administrativos como Coordenador e vice-coordenador do Curso de Arquivologia/UFSM, Vice-coordenador do Mestrado em Patrimônio Cultural da UFSM e Chefe substituto do Departamento de Documentação/UFSM. Foi o presidente fundador da Associação dos Arquivistas do Estado do Rio Grande do Sul- AARS em 1999. Orientou Dissertações de Mestrado no Programa de Pós-Graduação em Patrimônio Cultural/UFSM, co-orientou dissertações de mestrado em Engenharia da Produção (Tecnologia da Informação/PPGEP/UFSM), orientou monografias da Especialização em Gestão em Arquivos - EAD/UFSM, além de ter orientado trabalhos de iniciação científica e trabalhos de conclusão de curso nas áreas de Ciência da Informação, Ciência da Computação e Arquivística. Atualmente coordena projetos de pesquisa e extensão. Atua na área de Ciência da Informação, com ênfase em Arquivologia. Em suas atividades profissionais interagiu com colaboradores em co-autorias de trabalhos científicos. Em seu currículo Lattes os termos mais freqüentes na contextualização da produção científica, tecnológica e artístico-cultural são: Documentos Digitais, Preservação Digital, Gestão Arquivística de Documentos Digitais, Sistema de Arquivos, Arquivologia, Arquivística, Projeto de Arquivo, GED, Tecnologia da Informação, Gestão Eletrônica de Documentos, Automação em Arquivos, Documentos Eletrônicos, Digitalização de Documentos e Software Livre - SL.
Gilberto Fladimar Rodrigues Vianna
Possuo Graduação em Arquivologia (Bacharelado) pela Universidade Federal de Santa Maria (1986); Especialização em Administração - Qualidade na Administração do Programa de Pós-Graduação em Administração do Centro de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Federal de Santa Maria (2002); Especialização em Engenharia de Produção - Agente de Inovação e Difusão Tecnológica do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção do Centro de Tecnologia da Universidade Federal de Santa Maria (2007); Mestrado em Patrimônio Cultural do Programa de Pós-Graduação Profissional em Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Santa Maria(2011). Doutorado em Ciência da Informação do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Estadual Paulista - UNESP/MARÍLIA (2015). Tenho experiência profissional em gerenciamento de documentos/informações sobre de Projetos de Ensino, Pesquisa e Extensão. Sou Servidor técnico-administrativo-nível superior/arquivista da Universidade Federal de Santa Maria.
Juan-Antonio Pastor Sánchez
Doctor en Documentación por la Universidad de Murcia y Profesor en la misma Universidad en la Facultad de Comunicación y Documentación, dentro del Departamento de Información y Documentación. En el año 2002 comenzó su actividad docente como profesor asociado fundamentalmente en el área de tecnologías de la información y la comunicación, y más concretamente sobre sevicios de información digital, gestión de contenidos, arquitectura de la información y diseño web. A partir de 2009 se dedica exclusivamente a las tareas docentes y de investigación y en la actualidad es Profesor Contratado Permanente. Su principal línea de investigación se centra en la aplicación de tecnologías de la web semántica para la representación de sistemas de organización del conocimiento mediante SKOS y su publicación como linked open data. Otras líneas de trabajo han incluído el estudio de sistemas hipermedia, la gestión automatizada de tesauros, la aplicación de técnicas para la accesibilidad web y la elaboración de ontologías web. Cuenta en su haber con una carrera profesional desde 1992 hasta 2009 como documentalista, desarrollador de aplicaciones web y diseñador de sistemas de información y aprendizaje en línea. También ha desarrollado labores de gestión universitaria como Vicedecano de la Facultad de Comunicación y Documentación y Coordinador de Bibliotecas de la Universidad de Murcia y director de la revista Anales de Documentación. Es miembro del grupo de investigación de Tecnologías de la Información de la Universidad de Murcia, del think tank ThinkEPI y miembro del comité científico de la Conferencia internacional sobre revistas de ciencias sociales y humanidades.
Laís Barbudo Carrasco
Possui graduação em Ciência da Informação e Documentação pela Universidade de São Paulo (2010) e mestrado em Patrimônio, Multimídia e Sociedade da Informação pela Universidade de Coimbra (2012). Atualmente é estudante de doutorado da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho e 2º tenente bibliotecário - Força Aérea Brasileira. Tem experiência na área de Ciência da Informação, com ênfase em Ciência da Informação, atuando principalmente nos seguintes temas: cidoc crm, ontologia, web semântica, patrimônio cultural e metadados.
Lucinéia da Silva Batista
Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação pela Unesp/Marília. Arquivista formada em 2012 pela UNESP/Marília e graduanda em Biblioteconomia desde 2013 na UNESP/Marília. Atua principalmente nos seguintes temas: Ambientes Digitais, Design da Informação, Archivematica, ICA-AtoM, Complexidade, Redes Sociais, Twitter, Empoderamento e Disseminação da Informação. Realizou estágio no Cedhum (Centro de Documentação de Marília). Atualmente desenvolve projeto de pesquisa com o software Archivematica que visa a preservação da informação em ambiente Web em instituições de Arquivo, busca-se analisar a interface deste sistema do ponto de vista do Design e discutir questões de interoperabilidade entre o Archivematica e o ICA-AtoM. Membro do grupo de pesquisa GPNTI (Grupo de Pesquisa Novas Tecnologias em Informação), do laboratório de pesquisa LADRI (Laboratório de Design e Recuperação da Informação), membro do projeto de descrição e digitalização dos acervos documentais do pesquisador William Nava, coordenador do Museu de Paleontologia de Marília.
Manuela Moro Cabero
Profesora Titular de Universidad en la Universidad de Salamanca (España) desde 1998. Adscrita al Departamento de Biblioteconomía y Documentación de la Universidad de Salamanca. Especializada en la gestión de documentos en las organizaciones. Imparte su docencia en el Grado en Información y Documentación y el Máster de Sistemas de Información Digital. Es miembro del programa de Doctorado de la Universidad de Salamanca Formación en la Sociedad del Conocimiento . En la línea de Educación y sociedad de la información. Es Licenciada en Geografía es Historia, especializada en Historia Medieval en 1985. Diplomada en Biblioteconomía y Documentación con especialización en Archivística en 1990. Doctora en Historia por la Universidad de Salamanca desde 1995. Miembro del Grupo SC01 de Gestión de documentos-España del CTN-50 de AENOR. Miembro del Observatorio de prospectiva Achivística y Sociedad de la Universidad Carlos III de Madrid. Profesora invitada en el programa de Pós-Graduaçâo em Ciência da Informaçâo, bajo la línea de Investigación “Gestâo, Mediaçâo e Uso da Informaçâo” en la Faculdade de Filosofia e Ciências de la UNESP/Campus de Marília (Brasil). Es colaboradora extranjera en el Grupo de investigación sobre Gestão Eletrônica de Documentos Arquivísticos-Ged/A, do(a) Universidade Federal de Santa Maria (Brasil). Entre su haber, destaca la dirección de numerosas tesis doctorales e investigaciones, así como publicaciones (monografías, publicaciones periódicas, ponencias y comunicaciones, etc.) sobre gestión documental en empresa, valoración y selección documental, gestión de sistemas, gestión de calidad, modelos de evaluación, auditoría y certificación, gestión de documentos electrónicos, gestión de la información y conocimiento, gestión normalizada de sistemas para los documentos, preservación, continuidad digital y gestión de riesgos. Igualmente ha realizado diversas publicaciones sobre motivación, formación e investigación en Archivística. Ha desempeñado y desempeña diversos cargos de coordinación, gestión y dirección en la Universidad de Salamanca.
Maria Cristina Vireira de Freitas
Doutora em Biblioteconomia e Documentação pela Universidade de Salamanca e mestre em Ciência da Informação pela Universidade Federal de Minas Gerais. Realizou cursos de Especialização nas seguintes áreas: Conservação de Documentos, Ciências Documentais e Metodologias de Ensino. Licenciou-se em História e em Documentação e Arquivística. É membro doutorado dos seguintes centros de investigação: CEIS20 (Universidade de Coimbra) e CONDOR (Universidad de León). Revisora em publicações monográficas e periódicas nacionais e internacionais, com participações em comissões científicas de eventos nacionais e internacionais. Autora e/ou coautora em dezenas de publicações científicas, em veículos nacionais e internacionais. Atualmente, é docente nos cursos de licenciatura, mestrado e doutorado em Ciência da Informação na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. Participa, ativamente, na qualidade de interlocutora institucional, nos projetos de Gestão Documental nas Instituições do Ensino Superior Português e no projeto de Avaliação Suprainstitucional da Informação Arquivística (ASIA), sob a coordenação da Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB)/Arquivo Nacional Torre do Tombo. Interessa-se pelas seguintes áreas: organização da informação e do conhecimento; arquivos pessoais; arquivos digitais; preservação do património documental; métodos qualitativos de análise de dados.
Maria da Graça de Melo Simões
Professora Auxiliar da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, no Departamento de Filosofia, Comunicação e Informação onde assegura as unidades curriculares do 1º ao 3º Ciclos na área de Organização do Conhecimento. Tem Doutoramento em Ciência da Informação pela Universidade de Salamanca (2010), Mestrado (2007) em Ciência da Informação pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, Pós Graduação em Ciências Documentais pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra (1991), Pós Graduação em Estudos Europeus pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra (1993) e Licenciatura em História pela mesma Universidade (1989). É autora de diversas monografias e artigos publicados em revistas nacionais e internacionais, essencialmente, sobre Representação da informação e organização do conhecimento.
Maria Manuel Borges
Professora Auxiliar da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra. A sua área de investigação principal situa-se no domínio da Comunicação da Ciência, particularmente em ambiente digital tecnologia digital e as suas implicações nas formas de produção, acesso e disseminação da informação científica. Publica com regularidade em Portugal e no estrangeiro e faz parte do corpo editorial e de árbitros de revistas científicas, bem como de comissões científicas de conferências, nacionais e internacionais. Tem colaborado como investigadora ou consultora científica em projetos de investigação em Portugal e no estrangeiro. É atualmente Subdiretora do Departamento de Filosofia, Comunicação e Informação, Coordenadora da Secção de Informação e Diretora do Mestrado e Doutoramento em Ciência da Informação. É Diretora dos Serviços de Biblioteca e Documentação da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra.
Mariana Cantisani Padua
Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação na UNESP, campus Marília. Mestre em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba. Graduada em Design com habilitação em Comunicação Visual pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás /PUC-GO. Lecionou no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba/ Cabedelo, ministrando as disciplinas: Ergonomia Informacional, Gestão de Projetos, Computação Aplicada ao Design I e II, Planejamento Visual IV e Análise Gráfica no Curso Superior Tecnológico em Design Gráfico. Possui interesse de pesquisa nas seguintes áreas: Design de Informação, Design de Interação, Museologia, expografia, Ciência da Informação, práticas que viabilizam o acesso à informação (acessibilidade) e seu uso (usabilidade), arquitetura da informação pervasiva e experiência do usuário (User eXperience - UX).
Mayra Mena Mugica
Doctora en Ciencias de la Información en 2006. Master en Bibliotecología y Ciencias de la Información por la Universidad de La Habana en 2002. Licenciada en Historia por la misma universidad en 1989. Tiene más de 20 años de experiencia en la actividad de información. Trabajó en el Archivo Nacional de Cuba durante 10 años donde se desempeñó como Vicedirectora de Investigaciones y fue miembro de sus consejos de Dirección y Científico. Ha recibido asesoramiento técnico profesional en la Escuela Taller de Archivos del Ministerio de Cultura de España y en el Servicio de Bibliotecas y Archivos de la Universidad de Salamanca. Ha cursado estudios de post-grado en las especialidades de Historia de Cuba y España en la Universidad de La Habana; y de Archivística, Paleografía y Diplomática en el Archivo Nacional de Cuba y el Archivo General de la Administración de Alcalá de Henares. En 2004 le fue otorgada una beca de investigación Keizo Obuchi de la UNESCO para realizar estudios de Doctorado en la Universidad de Salamanca y en el Instituto de Teoría y Técnica de la Información Jurídica del Consejo Nacional de Investigaciones de Florencia, Italia. Su tesis doctoral fue publicada por el sitio web del Proyecto InterPARES. Ha participado como ponente en los eventos y reuniones científicas nacionales e internacionales y en las actividades de diseminación del Proyecto InterPARES 2 realizadas en Cuba y México por parte del equipo de trabajo CLAID (Caribbean and Latin-American Dissemination Team de InterPARES 2) en 2006. Ha publicado, entre otros, los libros “La administración Autonómica Española en Cuba – 1898. Catálogo de la Documentación de la Cámara de Representantes del Parlamento Insular y de la Presidencia del Consejo de Secretarios”, realizado en colaboración con Severiano Hernández Vicente; e Introducción a las Ciencias de la Información, con el Dr. Radamés Linares Columbié. Se desempeña como Profesora Titular en el Departamento de Ciencias de la Información de la Universidad de La Habana. Es miembro de la Comisión Nacional de Grados Científicos para las Ciencias Sociales, Secretaria del Tribunal de Grados Científicos en Información y Comunicación y Secretaria del Consejo Científico de la Facultad de Comunicación de la Universidad de la Habana.
Natália Nakano
Doutoranda em Ciência da Informação na Unesp/Marília, desenvolveu projeto de mestrado com foco comparativo em softwares livres para atendimento online para bibliotecas, arquivos e museus. Atualmente o objeto de pesquisa de doutorado se expande para incluir plataformas abertas e gratuitas para disseminação da informação na internet e construção do conhecimento; Complexidade, Design da Informação e Design Instrucional desses ambientes, com o objetivo de empoderamento e capacitação à distância para as massas. Membro do grupo de pesquisa GPNTI (Grupo de Pesquisa Novas Tecnologias em Informação) , do laboratório de pesquisa LADRI (Laboratório de Design e Recuperação da Informação); membro do projeto de descrição e digitalização dos acervos documentais do pesquisador William Nava, coordenador do Museu de Paleontologia de Marília.
Silvia Aparecida Borsetti Gregório Vidotti
Licenciada em Matemática pelo Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas da UNESP (1986). Especialista em Ciência da Computação pelo Instituto de Ciências Matemáticas de São Carlos da USP (1987). Mestre em Ciências ? área de concentração - Ciências da Computação e Matemática Computacional - pelo Instituto de Ciências Matemáticas de São Carlos da USP (1993). Doutora em Educação - área de concentração Educação Brasileira - pela Faculdade de Filosofia e Ciências da UNESP (2001). <b>Atuação profissional</b>: Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Unesp (2004 - 2011) Coordenadora do Doutorado Interinstitucional (DINTER) Unesp e Universidade Federal do Ceará (2010-2014) Professora Assistente-Doutora em Regime de Dedicação Integral à Docência e à Pesquisa da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Filosofia e Ciências - FFC - Campus de Marília, Departamento de Ciência da Informação. Docente dos cursos de graduação em Arquivologia e Biblioteconomia e dos cursos de mestrado acadêmico e doutorado em Ciência da Informação da Unesp. Assessora da Pró-Reitoria de Pós-Graduação da Unesp (PROPG ). Membro Titular do Conselho Editorial de Periódicos da UNESP - CEPC. Membro Titular do Comissão Permanente de Educação a Distância da UNESP - CPEaD. Membro Titular do Conselho de Gestão Científica do Núcleo de Computação Científica da Unesp - GridUnesp. Coordenadora do Laboratório de Desenvolvimento e Aplicação de Multímidia da FFC - UNESP. Membro da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação (ANCIB). Líder do Grupo de Pesquisa - Novas Tecnologias em Informação. Parecerista ad hoc de agências de fomento nacionais. Parecerista e membro de Comitês Científicos de periódicos científicos Coordenadora do Projeto de Extensão Universitária: Inclusão Digital de alunos da UNATI - Marília. Pesquisadora da área de Ciência da Informação, com ênfases em Tecnologias de Informação e Comunicação e em Arquitetura da Informação digital Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - nível 2 - projeto de pesquisa: Arquitetura da Infomação e Usabilidade Digital: um estudo da contribuição teórica e metodológica no contexto da Ciência da Informação.
Talita Cristina da Silva
Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação pela Unesp/Marilia. Arquivista formada em 2013 pela UNESP/Marília. Atua principalmente nos seguintes temas: Ambientes Digitais, Design da Informação, ICA-AtoM, Complexidade, Wikipédia, Empoderamento e Construção Coletiva do Conhecimento. Graduanda em Arquivologia na UNESP - Marília. Realizou estágio no SIARQ (Sistema de Arquivos na UNICAMP), no Cedhum (Centro de Documentação de Marília) e no Cine Clube (Clube do Cinema de Marília), no acevo documental. Possui dois cursos técnicos: Técnica de Administração e Técnica de Informática para Internet, pelo Centro Paula Souza. Atualmente desenvolve projeto de pesquisa com o software AtoM. Bolsista Proex, 2012/2013, Bolsista de Iniciação Cientifica FAPESP, 2013/2014, Bolsista CNPq de Iniciação Científica, 2014/2015 e bolsista CNPq de Mestrado, 2015/2016. Membro do grupo de pesquisa GPNTI (Grupo de Pesquisa Novas Tecnologias em Informação), do laboratório de pesquisa LADRI (Laboratório de Design e Recuperação da Informação); membro do projeto de descrição e digitalização dos acervos documentais do pesquisador William Nava, coordenador do Museu de Paleontologia de Marília.

Publicado

October 2, 2017

Licença

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: Impresso

Impresso

ISBN-13 (15)

978-85-7983-903-0

Date of first publication (11)

2017

Dimensões físicas

160mm x 230mm x 10mm

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: E-book

E-book

ISBN-13 (15)

78-85-7983-904-7

Date of first publication (11)

2017

Dimensões físicas

160mm x 230mm x 10mm

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas