Ciência da Informação: múltiplos diálogos

Autores

Helen de Castro Silva (ed)
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Filosofia e Ciências - Campus de Marília, Departamento de Ciência da Informação.
https://orcid.org/0000-0002-3997-9207
Maria Helena T. C. de Barros (ed)
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Filosofia e Ciências - Campus de Marília, Departamento de Ciência da Informação

Palavras-chave:

Ciência da Informação, Biblioteconomia

Sinopse

A coletânea de oito textos reunidos neste livro apresenta reflexões sobre a ciência da informação, sobre a informação como um de seus objetos de estudo e a sobre as perspectivas de formação e atuação dos profissionais ligados à informação. Os textos abordam a organização, a transferência e a preservação da informação e seus suportes digital ou impresso, como o livro antigo ou raro, por exemplo. Também é tratada a necessidade de se atentar as informações não estão registradas, como no caso das manifestações culturais, por exemplo, cujo conteúdo dificilmente é considerado nos fazeres da área, mas não podem ser desprezadas. As políticas nacionais e internacionais voltadas para a informação e a cultura são analisadas de forma a verificar a possibilidade do estabelecimento da sociedade da informação na região e o papel do bibliotecário neste processo. Outros dois textos tratam das relações da ciência da informação com outras áreas do conhecimento, como as letras, por exemplo, e o impacto produzido por esses diálogos na produção científica da área. Finalmente, as perspectivas de atuação para os profissionais que lidam com a informação são delineadas, tendo em vista a validade dos princípios básicos da formação deste profissional nos novos cenários que se vislumbra. Os autores - Johanna W. Smit, Solange Mustafa, Emir José Suaiden e Sidney Barbosa - são pesquisadores de grande representatividade no cenário nacional ou possuem destacada atuação profissional na área: Ana Virgínia Paz Pinheiro e Maria Cecília da Fonseca. A obra conta ainda com duas prestigiosas contribuições de autores de reconhecimento internacional: Isidro Fernández-Aballi e Thomas Froelich. Esperamos que a obra possa fomentar os debates sobre a formação do profissional da informação e contribuir nas reflexões científicas sobre a Ciência da Informação.

Selo Editorial:

Logo_e-book_-_Oficina1.jpg      Logo_e-book_-_Cultura_academica1.jpg

Capítulos

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Helen de Castro Silva, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Filosofia e Ciências - Campus de Marília, Departamento de Ciência da Informação.

Possui graduação em Biblioteconomia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1992), mestrado em Ensino na Educação Brasileira pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1996) e doutorado em Estudos Literários pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2002). É pesquisadora CNPq nível 2. Atualmente é professor assistente doutor da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Coordena o curso de Biblioteconomia desde 2006. Tem experiência na área de Ciência da Informação, com ênfase em Biblioteconomia, atuando principalmente nos seguintes temas: comportamento informacional, competência em informação, biblioteca e leitura.

Maria Helena T. C. de Barros, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Filosofia e Ciências - Campus de Marília, Departamento de Ciência da Informação

Formada em Biblioteconomia pela Faculdade de Filosofia Sedes Sapientiae-SP, especialista em Ação Cultural pela USP, mestre em Biblioteconomia pela PUC – Campinas, doutora pela ECA/USP, livre-docente pela UNESP. Atualmente é coordenadora da Comissão de Educação e Bibliotecas Escolares do Conselho Regional de Biblioteconomia da 8.a Região com o Projeto: “Sistema de informação para o ensino público paulista”. É docente aposentada da UNESP, Campus de Marília, onde atuou durante 15 anos no Departamento de Ciência da Informação, através do Curso de Graduação em Biblioteconomia e do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação. Nas atividades universitárias, dedicou-se ao ensino, à pesquisa, à orientação e à extensão, direcionados para projetos sociais ligados prioritariamente à biblioteca pública e à biblioteca escolar, com ênfase na disseminação da informação, na leitura, na cultura, na cidadania e no desenvolvimento, mediados principalmente pela ação cultural. Nessa temática apresenta freqüentes palestras e publicações no País e no Exterior, com papers, artigos, capítulos de livros e os livros recentes Disseminação da Informação e Leitura: mediação e mediador (em co-autoria).

Ana Virginia Pinheiro

Graduada em Biblioteconomia e Documentação pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO (1978), especializada em “Análise, Descrição e Recuperação da Informação” pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO (1985) e em “Administração de Projetos Culturais” pela Fundação Getúlio Vargas - RJ (1985); é mestre em “Administração Pública” pela Fundação Getúlio Vargas - RJ (1993). Atualmente é Chefe de Divisão de Obras Raras da Fundação Biblioteca Nacional e Professora Adjunta da Escola de Biblioteconomia da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Pesquisa e publica na área de Biblioteconomia e Documentação, com ênfase em Biblioteconomia de Livros Raros, Bibliologia, Codicologia, Organização e acesso a acervos de memória.

Emir José Suaiden

Graduado em Biblioteconomia pela Universidade de Brasília, mestrado(1980) em Ciência da Informação pela Universidade Federal da Paraíba, doutorado(1989) em Ciência da Informação pela Universidad Complutense de Madrid e pós-doutorado(2002) na Universidad Carlos III de Madrid. Na década de 70 foi diretor adjunto do Instituto Nacional do Livro. Foi presidente do Comitê Executivo do Centro de Estudos para o fomento do Livro na América Latina (CERLALC), onde implementou programas de acesso ao livro e à leitura. É Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1C. Possui quatro livros e mais de 50 artigos publicados em diversos países. São numerosas as citações nas bases de periódicos indexados do Portal Capes e em bases abertas, como o Live Search, totalizando mais de oito mil citações. Desenvolveu, em parceria com a Dra. Cecília Leite Oliveira, uma metodologia para a inclusão digital que se transformou na Lei no. 3275 do Governo do Distrito Federal, tornando obrigatória a sua utilização. Esta metodologia é reconhecida e premiada. Atualmente é diretor do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia - IBICT, unidade de pesquisa do Ministério da Ciência e Tecnologia - MCT, é membro do Conselho Consultivo do Programa Nacional de Incentivo à Leitura, da Biblioteca Nacional no Rio de Janeiro, é professor titular do Departamento de Ciência da Informação e Documentação da UnB. Tem experiência na área de Ciência da Informação, com ênfase em Processos de Disseminação da Informação, atuando principalmente nos seguintes temas: ciência da informação, biblioteca e sociedade, biblioteca pública, sistema informacional e informação. Desenvolve pesquisas nas áreas de gestão da informação e inclusão digital.

Isidro Fernández-Aballí

Diretor do Escritório Regional de Comunicação e Informação para a América Latina e o Caribe, da UNESCO. Membro do Comitê Técnico da Cátedra UNESCO em Novas Tecnologias de Informação. Conselheiro Regional da Divisão da Sociedade da Informação para a América Latina e o Caribe – INFOLAC. Foi professor de Bibliotecología y Ciencias de la Información de Universidad de La Habana. Tem vasta experiência no planejamento, organização e direção de instituições e sistemas de informação, em particular do uso de tecnologias de informação. Tem publicado numerosos trabalhos, realizado diversos projetos e serviços de assessoria e ministrado cursos e oficinas na área.

Johanna W. Smit

Possui graduação em biblioteconomia e documentação pela Universidade de São Paulo (1970), mestrado em Documentação - Ecole Pratique des Hautes Etudes (1973) e doutorado em Análise do discurso pela Universidade de Paris-I (1977). Foi adjunta do representante de área na CAPES por dois mandatos. Atualmente exerce sua função de docente junto ao Departamento de Biblioteconomia e Documentação da ECA/USP e dirige o Arquivo Geral da Universidade de São Paulo. Ligada a vários órgãos vinculados ao ensino e à pesquisa no País, com destaque para a ABECIN e a CAPES, na qual é consultora e adjunta. Participa do corpo editorial de publicações nacionais ligadas à área da informação. Tem experiência na área de Ciência da Informação, atuando principalmente nos seguintes temas: ciência da informação, arquivologia, arquivo fotográfico, vocabulário controlado e organização da informação. De seu currículo, consta numerosa bibliografia, abrangendo textos significativos para as três vertentes da área – biblioteconomia, arquivologia e museologia, que por ela são denominadas “as três marias” e conhecidas pelo seu público como tal.

Maria Cecília Londres Fosenca

É licenciada em Letras pela PUC-RJ, mestre em Teoria da Literatura pela UFRJ e doutora em Sociologia pela UNB. Professora de Teoria da Literatura na PUC-RJ. Pesquisadora no Centro de Referência Cultural-CNRC e coordenadora de projetos da Fundação Pró-Memória. Ex-assessora do ministro Francisco Weffort para assuntos do patrimônio material. Coordenadora de políticas da Secretaria de Patrimônio, Museus e Artes Plásticas do Ministério da Cultura. Representante do Brasil nas reuniões de peritos internacionais, na UNESCO, para salvaguarda do patrimônio cultural imaterial. Conselheira do Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural. Sócia correspondente do IHGB. Coordenadora de revistas e publicações da área, além de autora do livro O patrimônio em processo (edição UFRJ e IPHAN, 2.ed., 2005).

Sidney Barbosa

Possui graduação em Letras (1975) pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Franca -SP, Especialização em Ensino da Língua Francesa (1977) e Maîtrise en Lettres Modernes (1982), ambas pela Université de Poitiers, França, Doutorado em Língua e Literatura Francesa (1990) pela Universidade de São Paulo e Livre-Docência (2005) pela Faculdade de Ciências e Letras da UNESP, Campus de Araraquara, onde foi professor de Língua e Literatura Francesa, de 1992 a maio de 2009. Realizou estágio de pós-doutorado (ano letivo 1998-1999) na Université de Paris VIII - Vincennes-Saint Denis. Foi “professeur invité” na Université de La Rochelle, França, no ano letivo 1999-2000, quando lecionou Português do Brasil e Cultura Luso-brasileira. Atualmente é professor efetivo de Literatura Francesa do Departamento de Teoria Literária e Literaturas da Universidade de Brasília, no Distrito Federal. Atua na Graduação em Letras na UnB, respondendo pelas disciplinas de Literatura Francesa, “Romance” e “Poesia”. É professor voluntário junto ao Programa de Pós-Graduação em Estudos Literários da UNESP de Araraquara. Coordena o grupo interinstitucional de pesquisa intitulado “História da Leitura, do Livro e das Bibliotecas” e participa de outros grupos de pesquisa. No ano de 2008, foi nomeado pelo Governo Francês membro da Ordem “des Palmes Académiques”, no grau de “Chevalier”, comenda que lhe foi solenemente entregue em junho de 2009 na Résidence Consulaire de São Paulo.

Solange Puntel Mostafa

Possui graduação em Biblioteconomia e Documentação pela Escola de Biblioteconomia e Documentação de S Carlos (1972), mestrado em Ciencia da Informação pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (1981) e doutorado em Educação (Filosofia da Educação) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1985), com experiência de pós-doutorado na Politechnic of North of London, Inglaterra. Foi coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Biblioteconomia, na PUC-Campinas, e presidente da ANCIB. Atualmente é professora do corpo permanente da Universidade do Vale do Itajaí. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em epistemologia, ciência da informação, processos de informação e comunicação, atuando principalmente nos temas do ensino e aprendizagem frente à novas mídias.

Thomas Froehlich

Ph.D. em Philosophy pela Duquesne University e mestre em Information Science pela University of Pittsburgh. É professor da School Library and Information Science, na Kent State University-Ohio, nos Estados Unidos, em nível de Graduação e de Pós-Graduação. Seu interesse de pesquisa inclui desenvolvimento de currículos em Ciência da Informação e papéis emergentes para profissionais da informação. A maior parte de seus trabalhos está relacionada com a ética nas profissões de informação. Ele tem oferecido workshops, treinamentos, seminários e comunicações em 23 países.

Publicado

October 13, 2009

Licença

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: Impresso

Impresso

ISBN-13 (15)

978-85-60810-16-1

Date of first publication (11)

2009

Dimensões físicas

160mm x 230mm x 8mm

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: E-book

E-book

Dimensões físicas