Encontro com as Ciências Cognitivas

Autores

Maria Eunice Q. Gonzales; Carlos A. Lungarzo; Carmen B. Milidoni (ed), Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Filosofia e Ciências - Campus de Marília, Departamento de Filosofia.; Alfredo Pereira Jr. (ed), Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Instituto de Biociências, Departamento de Educação.; Michael B. Wrigley

Palavras-chave:

Cognição - conhecimento, Epistemologia

Sinopse

Este volume reúne, da maneira mais completa que nos foi possível, as comunicações, palestras e comentários apresentados no Primeiro Encontro Brasileiro­Internacional de Ciências Cognitivas (EBICC95), celebrado no campus de Marília (SP) da Universidade Estadual Paulista (UNESP), de 19 a 22 de novembro de 1995, sob a organização do Grupo Estudos Cognitivos. do Departamento de Filosofia deste campus.

Capítulos

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Eunice Q. Gonzales

Graduação em Física pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1977), mestrado em Epistemologia Lógica e Filosofia da Ciência pela Universidade Estadual de Campinas (1984) e doutorado em Cognitive Science, Language And Linguistics Phd - University of Essex (1989) Inglaterra. Atualmente é professora adjunta (livre docente) da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Epistemologia, Filosofia da Informação e da Tecnologia, Ciência Cognitiva e Filosofia da Mente, atuando principalmente nos seguintes temas: auto-organização, autonomia e informação, sistemas complexos, big data e a dinâmica de desenvolvimento da opinião.

Carlos A. Lungarzo

Possui graduação em Filosofia pela Universidad de Buenos Aires(1964), graduação em Matemática pela Universidad de Buenos Aires(1974), doutorado em Filosofia pela Universidade Nacional de La Plata(1970) e pós-doutorado pela Mcgill University(1972). Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Lógica. Atuando principalmente nos seguintes temas:Lógica. 

Carmen B. Milidoni, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Filosofia e Ciências - Campus de Marília, Departamento de Filosofia.

Possui graduação em Filosofia pela Universidad Nacional de La Plata(1968) e doutorado em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas(1993). Atualmente é professor titular da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho e professor titular da Universidade Estadual Paulista. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Epistemologia. Atuando principalmente nos seguintes temas:modelos, metáforas, neurônio, quantidade, aparelho psíquico e descoberta.

Alfredo Pereira Jr., Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Instituto de Biociências, Departamento de Educação.

Possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1984), graduação em Administração de Empresas pela Fundação de Ciências Contábeis e Administrativas Machado Sobrinho (1983), mestrado em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1986) e doutorado em Lógica e Filosofia da Ciência pela Universidade Estadual de Campinas (1994). Realizou Pós-Doutorado em Ciências do Cérebro e da Cognição no Massachusetts Institute of Technology (1996-98). Livre-Docente, Professor Adjunto II da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Docente credenciado e orientador de mestrado e doutorado nos programas de Saúde Coletiva (Faculdade de Medicina, UNESP-Botucatu; 1998 até 2018) e Filosofia (Faculdade de Filosofia e Ciências, UNESP-Marília; 1998-atual). Cientista Visitante no KEY Institute for Mind-Brain Research, vinculado à Universidade de Zurique (2012), Pesquisador Visitante no Departamento de Psicologia da Universidade de Copenhagen (2012), Departamento de Ciências dos Fármacos da Universidade de Pavia (2015) e Departamento de Psicologia da Universidade de Londres (2019). Foi coordenador de Tarefa no Projeto Temático/FAPESP "Sistêmica, Auto-Organização e Informação", vinculado ao Centro de Lógica e Epistemologia da Universidade de Campinas (2011-2016). Tem experiência nas áreas de Ontologia, Epistemologia, Psicologia Fisiológica (Neurociência Cognitiva e Afetiva) e Saúde Mental, atuando principalmente nos seguintes temas: Monismo de Triplo Aspecto, Mente e Cérebro, Consciência Humana, Interações Neuro-Astrocitárias, Filosofia das Ciências da Vida e da Saúde.

Marcos Barbosa de Oliveira, Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia

Bacharel em Física pela Universidade de São Paulo (USP) (1970). Doutor em História e Filosofia da Ciência pela Universidade de Londres (1981). Livre-docente pela USP (1997). Estágios de pesquisa no exterior nas Universidades de Essex (janeiro a março de 1987), de Bristol (outubro a dezembro de 1994) e na New School for Social Research (setembro a dezembro de 1999). Professor Associado da Faculdade de Educação da USP, Departamento de Filosofia da Educação e Ciências da Educação,até a aposentadoria, em agosto de 2014. A partir do mesmo ano, Professor Colaborador junto ao Programa de Pós-Graduação em Filosofia, da FFLCH-USP. Vice-coordenador do Grupo de Pesquisa "Filosofia, História e Sociologia da Ciência e da Tecnologia" do Instituto de Estudos Avançados da USP. Membro da Associação Filosófica Scientiae Studia.

Max Rogério Vicentini, Universidade Estadual de Maringá, Centro de Ciências Humanas Letras e Artes, Departamento de Filosofia

Possui graduação em Filosofia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1994), mestrado em Lógica e Epistemologia pela Universidade Estadual de Campinas (1998), doutorado em Filosofia pela Universidade de São Paulo (2012), com estágio junto à equipe SPHERE do CNRS e à Université Paris VII - Denis Diderot, sob a orientação do Prof. Dr. Michel Paty e Pós-doutorado junto ao Programa de Pós-graduação em Filosofia da Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho, sob a supervisão da Prof. Dr. Maria E. Q. Gonzalez (2018). Atualmente é professor associado da Universidade Estadual de Maringá. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em filosofia da ciência, atuando principalmente nos seguintes temas: filosofia, peirce, ciência cognitiva, qualia e evolução.

Jônatas Manzolli, Universidade Estadual de Campinas UNICAMP/ SP

Graduado em Matemática Aplicada Computacional (1983) e em Composição e Regência (1987) e é mestre em Matemática Aplicada (1988) ambos pela Uncamp. Desenvolveu seu doutorado (PhD) na University of Nottingham (1993) sobre Composição Musical. Atualmente é Professor Titular do Instituto de Artes da Unicamp e Coordenador do Núcleo Interdisciplinar de Comunicação Sonora (NICS). Compositor e matemático, pesquisa a interação entre Arte e Tecnologia em criação musical, computação musical e ciências cognitivas. Atua no programa de pós-graduação em Música com ênfase em Processos Criativos e Fundamentos Teóricos em Música e Tecnologia. Suas publicações focam, principalmente, os seguintes temas: composição musical, síntese de som, auto-organização e criatividade sonora, ambientes interativos para composição, modelos matemáticos e computação evolutiva aplicados a processos sonoros. Sua produção artística relaciona música instrumental, eletroacústica, obras multimídia para dança e instalações sonoras.

Adriana Benevides Soares

Professora Titular do programa de Pós-gradução em Psicologia (mestrado e doutorado) da Universidade Salgado de Oliveira (UNIVERSO) e professora Titular do Departamento de Cognição e Desenvolvimento e do programa de Pós-gradução em Psicologia Social (mestrado e doutorado) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Psicóloga pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1988), mestre em Psicologia Cognitiva pela Universidade de Paris XI (1990), doutora em Psicologia Cognitiva pela Universidade de Paris XI (1995) e Pós-doutora pela Universidade Federal de São Carlos (2011). É especialista em Terapia Cognitivo Comportamental (2019). Tem experiência de docência e pesquisa nas áreas de psicologia da memória e da aprendizagem, psicologia das relações interpessoais e metodologia da pesquisa e atua principalmente nos seguintes temas: Adaptação do estudante à Universidade, expectativas acadêmicas, transição da adolescência para a vida adulta e estratégias de enfrentamento para resolução de problemas e conflitos. Habilidades sociais em contextos educativos, transições escolares, clima escolar, auto eficácia, apoio social, relações professor-aluno, relações pais-filhos, competência social, Treinamento de Habilidades Sociais. Práticas parentais. Habilidades sociais e relações diádicas: conjugais, de namoro e casuais. Ao longo de sua carreira publicou mais de 100 artigos em periódicos científicos, 7 livros e 28 capítulos de livros, além de ter publicado trabalhos completos (37) e resumos de trabalhos em inúmeros congressos internacionais e nacionais (197 resumos). Foi responsável por 3 orientações de doutorado, 43 orientações de mestrado, 14 monografias de especialização e 18 trabalhos de conclusão de curso além de uma supervisão de estágio pós doutoral. Orientou mais de 40 alunos de iniciação científica dos quais dois trabalhos obtiveram menção honrosa. Atualmente orienta 5 alunos de doutorado, 3 de mestrado e supervisiona um estágio pós doutoral. É bolsista de produtividade do CNPq e Cientista do Nosso Estado pela FAPERJ. Foi membro da diretoria da Sociedade Brasileira de Ciência Cognitiva de (2001-2013). Nos últimos três anos foi coorganizadora do I Simpósio de Metalinguagem e Alfabetização e dos II e III Seminário Internacional de Habilidades Sociais. Foi avaliadora externa do programa de Iniciação Científica do CNPq em 9 oportunidades e participou de 13 bancas de concursos docentes. Foi editora chefe da revista Estudos e Pesquisas em Psicologia (2013-2018). Foi Presidente do IV Seminário Internacional de Habilidades Sociais em 2013. Já obteve diversos financiamentos para projetos de pesquisa e bolsas da FAPERJ, CAPES e CNPq. Atua também na prática clínica.

Breno Serson, Universidade de São Paulo (USP)

É médico especialista em Psiquiatria pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) e pelo Hospital das Clínicas (HC-FMUSP). Doutor em Ciências Cognitivas (área de filosofia) pela École des Hautes Etudes en Sciences Sociales (Paris), é pós-doutor pelo Programa de Pós-Graduação em Semiótica e Comunicação da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), onde lecionou e coordenou o Centro de Estudos em Ciências Cognitivas e Semiótica (CECCS). Foi membro do Grupo de Ciência Cognitiva do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo (IEA-USP) e do Grupo de Estudos em Psicanálise e Psicofármacos (GEPP). Trabalhou em hospitais, centros de saúde e clínicas especializadas. Desde 1993 atua como psiquiatra clínico e psicoterapeuta exclusivamente em consultório particular, sobretudo com transtornos de ansiedade e depressões.

Lauro Frederico Barbosa da Silveira, Universidade de São Paulo (USP)

Graduação em Filosofia pela Universidade de São Paulo (1969) e doutorado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1974). Experiência na área de Direito, com ênfase em Semiótica Jurídica. Pesquisa semiótica em Medicina e em Psicanálise,com ênfase nas relações médico-paciente e analista-analisando. Extensão para a semiótica da aprendizagem e as relações professor-alunos. Estudo sobre a significação semiótica da produção se sinais entre peixes elétricos na bacia amazônica.Atuando principalmente nos seguintes temas: semiótica, interpretante, signo, hábito.

Alfredo Pereira Júnior, Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)

possui graduação em Filosofia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1984), graduação em Administração de Empresas pela Fundação de Ciências Contábeis e Administrativas Machado Sobrinho (1983), mestrado em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1986) e doutorado em Lógica e Filosofia da Ciência pela Universidade Estadual de Campinas (1994). Realizou Pós-Doutorado em Ciências do Cérebro e da Cognição no Massachusetts Institute of Technology (1996-98). Livre-Docente, Professor Adjunto II da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Docente credenciado e orientador de mestrado e doutorado nos programas de Saúde Coletiva (Faculdade de Medicina, UNESP-Botucatu; 1998 até 2018) e Filosofia (Faculdade de Filosofia e Ciências, UNESP-Marília; 1998-atual). Cientista Visitante no KEY Institute for Mind-Brain Research, vinculado à Universidade de Zurique (2012), Pesquisador Visitante no Departamento de Psicologia da Universidade de Copenhagen (2012), Departamento de Ciências dos Fármacos da Universidade de Pavia (2015) e Departamento de Psicologia da Universidade de Londres (2019). Foi coordenador de Tarefa no Projeto Temático/FAPESP "Sistêmica, Auto-Organização e Informação", vinculado ao Centro de Lógica e Epistemologia da Universidade de Campinas (2011-2016). Tem experiência nas áreas de Ontologia, Epistemologia, Psicologia Fisiológica (Neurociência Cognitiva e Afetiva) e Saúde Mental, atuando principalmente nos seguintes temas: Monismo de Triplo Aspecto, Mente e Cérebro, Consciência Humana, Interações Neuro-Astrocitárias, Filosofia das Ciências da Vida e da Saúde.

Victor G. Haase

Graduação em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1981), mestrado em Lingüística Aplicada pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1990) e doutorado em Psicologia Médica (Dr. rer. biol. hum.) pela Ludwig-Maximilians-Universität zu München (1999). É professor titular do Departamento de Psicologia da Universidade Federal de Minas Gerais. Tem experiência na área de neuropsicologia, tendo interesse por correlação estrutura-função em neuropsicologia, modelos de processamento de informação em neuropsicologia (cognição matemática, processamento lexical, processamento visoespacial, funções executivas), reabilitação neuropsicológica, desenvolvimento humano e qualidade de vida, epidemiologia clínica e psicologia evolucionista. Colabora com três blogs: http://npsi-dev.blogspot.com (informações acadêmicas) e http://npsi-reha.blogspot.com (informações para pacientes e familiares), http://lndufmg.wordpress.com/.

José Roberto Castilho Piqueira, Universidade de São Paulo (USP)

Possui graduação em Engenharia Elétrica pela Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo (1974), mestrado em Engenharia Elétrica pela Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo (1983), doutorado em Engenharia Elétrica pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (1987) e livre-docência em Controle e Automação pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (1997). Atualmente é professor titular (Concurso Público em 1999) da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, da qual foi Vice-Diretor (03/2010 a 02/2014) e Diretor (03/2014 a 03/2018), tem 123 artigos indexados na principal coleção da Web of Science (3 Editoriais, 102 em periódicos, 18 em congressos; 819 citações, h=14), orientou 24 mestrados, 26 doutorados e supervisionou 11 pós-doutorados. Participa dos corpos editoriais dos periódicos: Journal of Electrical and Computer Engineering (Hindawi - Editor Associado) e Journal of Taibah University for Science(Elsevier - Editor de Matemática Aplicada). É membro do Conselho Superior do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN) desde Março de 2012 (três gestões), tendo sido seu presidente entre 2016 e 2019. É membro do Conselho Deliberativo do Instituto de Estudos Avançados (IEA-USP) desde 2017 (duas gestões) e membro efetivo da Academia Nacional de Engenharia. Tem experiência nas áreas de Engenharia Elétrica e Biomédica, com ênfase em Teoria Geral dos Circuitos Elétricos, atuando principalmente nos seguintes temas: dinâmica, bifurcação, sincronismo, caos e modelos matemáticos.

Henrique Schutzer Del Nero, Universidade de São Paulo (USP)

Possui graduação em Medicina pela Universidade de São Paulo(1983), graduação em Filosofia pela Universidade de São Paulo(1987), mestrado em Filosofia pela Universidade de São Paulo(1992), doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo(1996), pós-doutorado pela Universidade de São Paulo(1999) e residencia-medicapela Universidade de São Paulo(1986). Atualmente é Professor de Pós-Graduação da Universidade de São Paulo e Professor Coordenador do Núcleo de Ciência Cognitiva da Escola Politécnica Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Medicina.

Carmen Beatriz Milidoni, Faculdade de Filosofia e Ciências - FFC - Campus de Marília

Possui graduação em Filosofia pela Universidad Nacional de La Plata(1968) e doutorado em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas(1993). Atualmente é professor titular da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho e professor titular da Universidade Estadual Paulista. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Epistemologia. Atuando principalmente nos seguintes temas:modelos, metáforas, neurônio, quantidade, aparelho psíquico e descoberta.

Downloads

Publicado

May 5, 1997

Licença

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: Impresso

Impresso

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: PDF

PDF

Dimensões físicas

Detalhes sobre o formato disponível para publicação: E-book

E-book

Dimensões físicas